Malásia aprova lei anti Fake News

Governo da Malásia aprovou nesta segunda-feira uma lei que condena quem praticar Fake News (Falsas Notícias). O primeiro-ministro Najib Razak obteve uma maioria simples no Parlamento e aprovou o projeto de lei. Segundo o governo a medida não viola a liberdade de expressão. A lei estabelece multa pesada que equivalente a até 123 mil dólares e até seis anos de prisão. E definida como noticias falsas, informações, dados e reportagens inteiramente ou parcialmente falsas. Artigos, elementos visuais e áudios é incluído na lei.

Disseminado pelo presidente norte-americano, Donald Trump, o termo “fake news” logo se tornou preocupação em eleições em todo o mundo. A lei  cobre publicações digitais e redes sociais e se aplicará a infratores que espalham falsas notícias com más intenções dentro e fora da Malásia, incluindo estrangeiros, se a Malásia ou cidadãos malaios forem afetados.